quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Reflexões sobre o casamento VI

Continuando com nossas reflexões, que bom seria se interiorizássemos estas de hoje e as vivenciássemos dia a dia...

46- É bom saber expressar o que sente.
47- É perigoso não saber fazê-lo.
48- Deus deu ao companheiro os ouvidos para que ouça os queixumes do outro; para que ouça com amor.
49- Ouvir com amor, não com tolerância, eis a chave!  
50- Ironizar o companheiro em frente de terceiros em reuniões sociais, quebra a união.
51- Aliança protege como uma mãe protege sua criança. União perfeita cobre o companheiro. Aliança se mantém como o oficial e o estudante se mantêm, pela honra do companheiro.
52- O amor vê muito longe. Ele vê as fraquezas do ente amado. Por isto ele é médico e véu.
53- Não ama a verdade aquele que a diz a outros.
54- Só ama a verdade aquele que a suporta contra si.
55- União está antes do “limpar a casa”; União está antes da “leitura do jornal”; União está antes do “passar roupa”; União está antes da “profissão”; União clama sempre: “para o lar! Oh, sempre para o lar!”
56- Ter tempo para o companheiro de vida é mais importante do que ter dinheiro para ele.




Frases traduzidas do alemão (texto de 26/03/1951) por Henrique Gustavo Bucher e presenteadas  a Dag e Márcia na ocasião de seu casamento (22/04/1989)       

Nenhum comentário:

Postar um comentário